Porque optar pelos perfumes da UP! Essência?

As fragrâncias atualmente em nosso país tem ganhado uma força muito grande, principalmente pela oportunidade de serem difíceis comprar produtos importados.

As pessoas às vezes não querem abrir mão dos perfumes importados, que temos que admitir, possui uma qualidade incomparável, tanto que, grande parte dos perfumes nacionais são inspirados nos importados.

Atualmente, as grandes marcas da perfumaria nacional, como O Boticário, ou a Natura, estão cada vez mais realizando suas criações nestas inspirações importadas, e inclusive, aumentando o grau em essência destes perfumes, ou seja, todos os perfumes estão tendo uma concentração de óleo essencial, diferente de como eram antes, porque boa parte da perfumaria nacional é baseado em colônias, com concentrações menores.

Então, uma das opções que existem para optar por ótimos perfumes, que lembram muito os perfumes importados, e que também entram em categorias maiores em concentração em essências, é o ramo da perfumaria da UP! Essência.

E aqui, neste conteúdo, temos os argumentos para convencer do porque optar pelos perfumes da UP!, que mostram uma grande qualidade no que se diz perfumes de alta linha do ramo.

Então, segue abaixo alguns pontos para você poder se convencer disto.

perfume
perfume

22% em essência

Qual a diferença, que chega a ser gritante, no ramo da perfumaria, entre os perfumes nacionais, e os perfumes importados?

Posso dizer com toda a propriedade, que um dos grandes pontos chama-se Categoria em Concentração da Essência. Ou seja, alguns perfumes tem uma concentração dos seus óleos essências maior que outros perfumes. É por isto que existem as categorias perfumísticas (este nome inventei agora):

Eau de Colegne, que são as famosas colônias, abrangem praticamente 85% dos perfumes do Brasil, porém, é um número que vem caindo aos poucos, pois a perfumaria nacional está trazendo perfumes com perfis mais europeus, devido a esta gama de perfumes importados que vem sendo consumido pelas pessoas ao longo do tempo.

Após, temos o Eau de Toilette, onde seu nome em francês chama-se Água de Banho, pelo menos é o que fica sendo conhecido pelos consumidores daquela região. Este tipo de perfume lá é uma categoria mediana, pois em regiões frias pedem aromas mais fortes, e o Eau de Toillet fica sendo uma categoria equilibrada, contendo entre 8% a 12% em concentração.

Eau de Parfum, que já é uma categoria de perfume francês mesmo, onde, boa parte dos perfumes franceses, ou europeus, ou de regiões mais geladas estão nesta categoria, e passam a ser perfumes com concentração entre 15% a 18% em essência. Então são perfumes que possuem uma tendência mais vigorosa no aroma, e também na fixação.

E por fim, a categoria Parfum, que é a categoria mais alta, com 22% em concentração em essência. Só para se ter uma ideia, perfumes na categoria Parfum são difíceis de serem encontrados na Europa, e não pode levar água, pois dilui a concentração, e passa a perder força. O perfume passa a ser mais forte, e mais fixador. Óbvio que, no ramo da perfumaria, não há garantias, mas é uma grande tendência.

Os perfumes da UP! Essência estão nesta última categoria, e isto passa a ser algo diferenciado.

Óleos essenciais vindos da MANE

Como funciona o mundo da perfumaria na criação dos perfumes?

Muitos pensam que a Caroline Herrera possui uma indústria, onde ela fabrica suas próprias fragrâncias, e na verdade não é bem assim que as coisas funcionam.

A Ferrari por exemplo é uma marca muito forte, e onde ela colocar sua marca, ela consegue vender facilmente um produto, por causa da marca. Tanto que, logo quando passou a vender perfumes, as vendas no ramo explodiram.

Porém, é necessário entender que, a criação dos óleos essenciais, ou seja, da matéria-prima, não é a marca quem cria, mas terceirizam para uma grande indústria do ramo. E neste caso, a MANE entra em questão.

Ela fabrica as fragrâncias para os perfumes mais conceituados de todo o mundo. Conhece o 212 Sexy? Sim, a MANE quem faz. Conhece também o Ferrari Black? A MANE também quem cria a matéria-prima desta fragrância.

E qual é então o papel da marca? É muito simples: enfrascar o liquido, e vender. Apenas isto. A cadeia da produção do perfume é simples: terceiriza a criação da matéria prima, terceiriza a industrialização do líquido do perfume, enfrasca e coloca a marca, e manda para o comércio.

E daí vem uma pergunta: se a essência é da 212 Sexy, então esta essência pertence só a ela, e pronto, acabou. Certo? Não, errado. A essência pertence exclusivamente a empresa. E somente a ela. A mesma essência do perfume 212 Sexy pode ser vendida pra qualquer outra marca.

Daí, vem os perfumes UP! Essência, que utilizam a mesma matéria prima dos perfumes importados, porém, com a marca UP!

perfume importado
perfume importado

Essência importada pelo preço de um nacional

Agora, como sabemos esta questão das essências e tudo mais, podemos então entender que, adquirindo um perfume UP! Essência, como o perfume UP! New York,  estaria adquirindo a mesma essência 212 Sexy.

Porém, o perfume UP! Essência é bem mais barato, e o aroma do perfume exala o que os perfumes importados também emitem.

Além dos perfumes, a UP! também conta com várias outras linhas de produtos, como UP! Diurno e UP! Noturno, Activida, UP! Liss, entre vários outros.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *